Instituições realizam ações em alusão ao “Maio Amarelo”

Você está em: Home - Notícias - Instituições realizam ações em alusão ao “Maio Amarelo”


Uma série de ações em alusão à 5ª edição da campanha “Maio Amarelo” tiveram início neste mês, no Ceará. Com o tema "Nós somos o trânsito", muitos municípios cearenses estão realizando atividades com o intuito de alertar a sociedade do alto índice de mortes e feridos no trânsito e reduzir essas estatísticas.

Em Fortaleza, a campanha é realizada pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) com apoio da Iniciativa Bloomberg para Segurança Viária Global, e visa chamar a atenção para melhorias no trânsito da cidade, oferecendo melhor infraestrutura e garantias, especialmente, para os usuários mais vulneráveis no trânsito, desta vez com foco no pedestre. Para isso, durante todo o mês de maio, uma série de atividades serão realizadas em diversos pontos da Cidade.

Na próxima segunda-feira, dia 21, numa promoção do Sindicato das Autoescolas do Estado do Ceará (Sindcfcs), em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran/CE), será realizado um debate sobre segurança no trânsito, que integra a programação do “Maio Amarelo 2018”. O evento acontece no auditório principal do Detran às 13 horas. Clique aqui e acesse toda a programação do Detran.

Ações realizadas

Na semana passada a Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) realizou as ações educativas no Instituto Doutor José Frota (IJF), hospital referência no Ceará, para casos de trauma. Durante três dias, equipes da Gerência de Educação da AMC, visitaram os leitos para conscientizar pacientes e acompanhantes sobre a importância de obedecer às leis de trânsito.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou no dia 10 de maio o lançamento da Operação Maio Amarelo 2018. A ação aconteceu na Unidade Operacional da PRF em Itaitinga, km 19 da BR-116, com a realização do Cinema Rodoviário e de abordagens educativas alusivas à Campanha Maio Amarelo.

Municípios

Várzea Alegre – O Departamento Municipal de Trânsito, dirigido por Evandro Feitosa, é o responsável pela campanha e desde o dia 06 de maio desenvolve atividades com a população com blitz, palestras nas escolas e entrevistas nas rádios. Veja toda a programação aqui.

Viçosa do Ceará – A Guarda Civil Municipal de Viçosa do Ceará através do Departamento Municipal de Trânsito, realizou no dia 12 de maio, na Praça da Matriz, em parceria com o Grupo Anjos da Vida e Corpo de Bombeiro Civil de Tianguá, um simulado de resgate de vítimas de acidente de trânsito que contou com a participação dos alunos do curso de capacitação de resgate e atendimento pré-hospitalar de vítimas de acidente e dos estudantes do 2º ano do curso de Guia Turístico da Escola Profissionalizante Juca Fontenelle.

Juazeiro do Norte – A Faculdade Paraíso do Ceará (FAP) e o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), realizaram nesta segunda-feira, 14, uma blitz educativa. Toda a campanha se estende até o dia 27 de maio. Durante esse período, FAP e Demutran realizarão diversas ações nas ruas, ambiente acadêmico e no Cariri Garden Shopping. Entre as atividades, estão o Pedal FAP, intervenções e a palestra: “Segurança no trânsito é prioridade à vida”.

O movimento

O ‘Maio Amarelo’ surgiu por iniciativa do Observatório Nacional de Segurança Viária, que articula esforços do poder público e da sociedade civil para alertar a população para o drama das mortes nas ruas e estradas do país. O mês representa um marco no combate às mortes no trânsito porque foi em 11 de Maio de 2011 que a Assembleia Geral da ONU declarou o período 2011-2020 como a Década de Ação para a Segurança Viária. A política de segurança para o trânsito da Prefeitura de Fortaleza tem apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global.

Estatísticas Nacionais

A cada hora, cinco pessoas morrem vítimas de acidentes de trânsito no Brasil. O Brasil aparece em quinto lugar entre os países recordistas em mortes no trânsito, precedido por Índia, China, EUA e Rússia e seguido por Irã, México, Indonésia, África do Sul e Egito. Juntas, essas dez nações são responsáveis por 62% das mortes por acidente no trânsito. Os estudos revelam que 90% dos acidentes têm como motivação as falhas humanas como imperícia, imprudência e desatenção.

APRECE - Rua Maria Tomásia, 230 - Aldeota - Fortaleza/CE - Fone: (85) 4006-4000 / Fax: (85) 4006-4006