Guaramiranga, Eusébio e Sobral são os municípios cearenses vencedores do Prêmio Band Cidades Excelentes – Edição 2023, no Ceará; a partir dos critérios definidos pelo Índice de Gestão Municipal Áquila (IGMA).  A solenidade de entrega da etapa estadual aconteceu na noite desta segunda-feira (13), no auditório Deputado João Frederico Ferreira Gomes, no Anexo II da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará (Alece). Promovido pela Rede Bandeirantes de Rádio e Televisão e o Instituto Áquila, com o apoio da Aprece, o prêmio teve como finalistas 38 dos 184 municípios cearenses.

O presidente da Aprece, Júnior Castro, esteve entre as autoridades que participaram do evento. Além dele, o diretor geral da Band Ceará, Carlo Bastos; o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, desembargador Abelardo Benevides; o procurador geral de Justiça do Estado, Manuel Pinheiro; o assessor para Assuntos Municipais Governo do Ceará, Artur Bruno, representando o Governador do Estado; o deputado Diassis Diniz, representando o presidente da Alece; o representante do Instituto Áquila, Rogério Bacafi, entre outros. Diversos prefeitos, vereadores e gestores de municípios cearenses também participaram da solenidade.

“Essa premiação é uma importante forma de incentivar, reconhecer e valorizar o trabalho que é desenvolvido hoje não só no estado do Ceará, mas em todo país. O ‘Cidades Excelentes’ é também uma oportunidade de refletirmos sobre as ações que nós gestores estamos fazendo no dia a dia para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos. Ganham hoje aqui os municípios vencedores, mas ganha muito mais a nossa população”, afirmou Júnior Castro, durante sua fala na solenidade.

O Prêmio Band Cidades Excelentes tem o objetivo de reconhecer, fomentar e incentivar a prática da gestão pública para melhorar a realidade dos 5.570 municípios brasileiros. O instrumento utilizado na avaliação e julgamento da premiação é o Índice de Gestão Municipal Áquila (IGMA), que utiliza conceitos de big data e reúne as informações públicas mais atualizadas de todos os municípios do país. Essa plataforma é estruturada com base em Inteligência Artificial, que a partir de um algoritmo, consolida resultados de indicadores em uma única nota final.

Todas as cidades foram automaticamente inscritas na premiação e foram separadas três categorias de avaliação na etapa estadual e cinco categorias na fase nacional, de acordo com o tamanho da população local. A etapa estadual contemplou cidades nas categorias de até 30 mil habitantes; entre 30 mil e 100 mil habitantes; e acima de 100 mil habitantes. A etapa estadual neste mês de novembro acontece em todos os estados brasileiros, quando estão sendo conhecidos os três melhores municípios de cada categoria. Um certificado alusivo à qualidade da gestão no pilar com maior pontuação foi concedido aos municípios contemplados nas respectivas áreas e categorias (veja abaixo, no final da matéria).

Já na fase nacional, que será realizada em Brasília (DF) no dia 11 de dezembro de 2023, o prêmio dará um troféu para os vencedores de cada pilar e de cada categoria populacional. Todos os demais classificados para a etapa nacional, mas não ganhadores, receberão certificados alusivos ao destaque em âmbito nacional.  Concorrem na etapa nacional as categorias de cidades: até 30 mil habitantes; entre 30 mil e 100 mil habitantes; entre 100 mil e 500 mil habitantes; acima de 500 mil habitantes; e Capitais.

O prêmio e seus contemplados

O Prêmio Band Cidades Excelentes é considerado o Oscar da Administração Pública no Brasil. A ideia é reconhecer as gestões municipais com melhor desempenho em 6 pilares definidos pelos especialistas para a avaliação.

Os três municípios do Ceará contemplados, a partir do partir dos critérios definidos pelo IGMA foram:

Até 30 mil habitantes – Guaramiranga

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Eusébio

Acima de 100 mil habitantes – Sobral

 

Confira os municípios do Ceará contemplados nos seis pilares do Prêmio:

1 – Governança, Eficiência Fiscal e Transparência

Até 30 mil habitantes – Pereiro

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Tauá

Acima de 100 mil habitantes – Crato

2 – Saúde e Bem-Estar

Até 30 mil habitantes – Guaramiranga

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Limoeiro do Norte

Acima de 100 mil habitantes- Sobral

3 – Sustentabilidade

Até 30 mil habitantes – Pacujá

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Pacajus

Acima de 100 mil habitantes – Itapipoca

4 – Educação

Até 30 mil habitantes – Pires Ferreira

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Eusébio

Acima de 100 mil habitantes – Sobral

5 – Infraestrutura e Mobilidade Urbana

Até 30 mil habitantes – Quixeré

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Limoeiro do Norte

Acima de 100 mil habitantes – Sobral

6 – Desenvolvimento Socioeconômico e Ordem Pública

Até 30 mil habitantes – Guaramiranga

Entre 30 mil e 100 mil habitantes – Eusébio

Acima de 100 mil habitantes – Fortaleza