Escolas estaduais recebem investimento de R$ 15,6 milhões

EDUCAÇÃO
04 de agosto de 2017

O Governo do Ceará concretizou, nesta quinta-feira (3), o investimento de R$ 15,6 milhões na aquisição de equipamentos e mobiliários para 606 escolas da rede pública estadual. O governador Camilo Santana realizou, na sede da Secretaria de Educação do Estado (Seduc), a primeira entrega, acompanhado pela vice-governadora Izolda Cela e pelo secretário da Educação, Idilvan Alencar.

Com a ação, o Estado objetiva garantir um espaço adequado ao ensino e à aprendizagem nas escolas estaduais. Foram adquiridos pelo Governo do Ceará mais de 17 mil itens: 10 mil ventiladores de parede, 2 mil computadores, 840 centrais de ar, 520 armários do tipo roupeiro para alunos, 5 mil carteiras escolares, 100 projetores, dentre outros. Ainda são destinados às escolas 140 fogões industriais, 2 mil conjuntos de mesas com bancos para refeitórios, 250 freezers e 160 bebedouros.

Durante o evento realizado na Seduc, Camilo Santana visitou estandes organizados por estudantes de unidades da rede pública estadual, para observar os novos equipamentos entregues e prestigiar materiais produzidos pelos jovens de diversas localidades do Ceará. O governador destacou que a aplicação de recursos fortalece a política educacional do Estado, reforçando-a como prioritária para o Executivo.

Também foram destinados a Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação (Crede), à Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor) e a escolas de grande porte 40 equipamentos para a realização de videoconferências, o que fortalecerá a comunicação entre Seduc e regionais. Na entrega das aquisições, o governador Camilo Santana realizou videoconferências com representantes unidades estaduais.

 Secretário da Educação, Idilvan Alencar enfatizou a conquista de nova estrutura tecnológica para as escolas do Estado como fundamental para o melhor desenvolvimento e capacitação dos alunos da rede pública. "Podemos nos orgulhar do fato de que todas as 38 escolas indígenas do Estado a partir de hoje têm laboratórios de informática. Além disso, Credes e escolas terão videoconferências para ampliar os trabalhos na área da Educação no Ceará. Temos muito a celebrar e também seguimos motivados a trabalhar por mais resultados", disse.

Fonte: Seduc